Em meio à pandemia, fila única na saúde para que tenhamos o direito de respirar

Diante da grave situação do país em meio à pandemia do coronavírus, a Admap (Associação Democrática dos Aposentados e Pensionistas) do Vale do Paraíba vem a público e notadamente às entidades filiadas Fapesp, Cobap e CSP-Conlutas defender a adoção da chamada fila única na saúde, unindo os leitos do Sistema Único de Saúde (SUS) e dos hospitais da iniciativa privada, para salvar vidas, sobretudo dos idosos.

Infelizmente, pela irresponsabilidade dos nossos governantes, principalmente por parte do presidente Jair Bolsonaro, o Brasil tornou-se o novo epicentro mundial da pandemia. Já são mais de 43 mil óbitos, o que nos coloca como segundo país com mais mortes pela doença no mundo, atrás apenas dos Estados Unidos. Mas os números ainda permanecem em franca ascensão. Neste cenário catastrófico, mais de 70% dos falecidos são idosos e idosas.

Neste contexto, o sistema público de saúde segue extremamente pressionado, com taxas de ocupação de leitos atingindo os 100% em muitas regiões do país. Enquanto isso, verificamos que a situação na rede privada é menos grave, com taxas de ocupação bem menores, o que abre caminho para que estes estabelecimentos atendam, independentemente de convênio médico, a população pobre e os idosos que no SUS podem ser deixados sem atendimento necessário.

Vários projetos na Câmara dos Deputados e no Senado pleiteiam a fila única na saúde. É preciso pressão, mesmo que por meios virtuais ou digitais, para fazermos os parlamentares analisarem essa pauta. Recentemente, por iniciativa da Admap e outras 40 entidades, elaboramos uma moção onde ampliávamos ainda mais a reivindicação da fila única: não só aos contaminados com a covid-19, mas também a todos os idosos e idosas com doenças crônicas. O documento foi enviado ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia, e a vários parlamentares.

Não podemos ficar de braços cruzados. Para defender nossas vidas, vamos lutar pela implantação da fila única na saúde. Neste sentido, rogamos às entidades Fapesp, Cobap e CSP-Conlutas que encampem essa campanha e, da mesma forma, pressionem deputados e senadores a aprovarem essa medida tão necessária para que milhares de brasileiros e brasileiras tenham o direito de respirar e continuar vivendo.

São José dos Campos, 15 de junho de 2020.

Admap – Associação Democrática dos Aposentados e Pensionistas do Vale do Paraíba