Presidente Bolsonaro quer debater fim da Justiça do Trabalho

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) sinalizou, em entrevista exibida na noite de quinta-feira (3) pelo SBT, que pode vir a discutir o fim da Justiça do Trabalho. Ele disse também que quer aprofundar a reforma da legislação trabalhista.

Na primeira entrevista após a posse, Bolsonaro usou exemplos do exterior e disse que os processos trabalhistas têm de tramitar na Justiça comum. Para o presidente, há um “excesso de proteção” aos trabalhadores.

Questionado sobre a possibilidade de o governo dele encapar o fim da Justiça do Trabalho, Bolsonaro respondeu: “Poderia fazer, está sendo estudado. Em havendo clima, poderíamos discutir e até fazer uma proposta”.

O presidente repetiu também que a ideia dele é aprofundar a reforma trabalhista.